logo dedcnova

logo sc sdc




Meteorologistas do Sul do Brasil estão reunidos em Florianópolis

Nesta segunda-feira (14), data que marca também o "Dia do Meteorologista", o Chefe da Defesa Civil de Santa Catarina, João Batista Cordeiro Júnior,  participou da abertura do 2º Encontro de Meteorologia do Estado de Santa Catarina (IIENMET SC) e 8º Encontro Sul Brasileiro de Meteorologia. O evento foi realizado na Associação Catarinense de Engenheiros, em Florianópolis, e contou com a presença de autoridades, estudantes e pesquisadores. As temáticas do encontro deste ano foram o nowcasting, energia, variabilidade climática e produtividade.

IMG 5467

Abertura do Evento realizado na Associação Catarinense de Engenheiros. Foto: Flávio Jr Ascom DC SC.

O Presidente da Associação Catarinense de Meteorologia, Leandro Puchalski, falou sobre os avanços que o setor teve nos últimos anos, sobre as características climáticas do Estado e o trabalho realizado pela Associação no fortalecimento da profissão.

Já o Chefe da Defesa Civil, destacou a importância da meteorologia no cotidiano das pessoas. "Um evento que congrega os meteorologistas de toda a região é um evento importante. Na meteorologia não existem fronteiras, os eventos podem vir de todos os lados", comentou. Segundo ele, a Defesa Civil do Estado considera a meteorologia fundamental para as atividades de proteção e defesa civil. "Estruturamos o serviço meteorológico em nossa Instituição e hoje temos o mais avançado Centro de Monitoramento e Alerta de Santa Catarina com profissionais trabalhando 24 horas por dia", finalizou.

Monitoramento da Defesa Civil de Santa em Destaque.

O Coordenador de Monitoramento e Alerta da Defesa Civil, Frederico Rudorff, é coordenador técnico da mesa sobre Nowcasting, junto com o coordenador científico Prof. Dr. Ernani Nascimento. O Nowcasting, ou previsão imediata, é a previsão meteorológica realizada num horizonte de poucas horas, tipicamente com até 3 horas de antecedência.

No evento foi apresentado o Sistema Estadual de Monitoramento e Alerta de Desastres. O Estado de Santa Catarina é um dos estados com a melhor estrutura para a realização de monitoramento e previsão imediata. Dentre os equipamentos estão à disposição dois radares banda S, em Lontras e Chapecó, um radar banda X, em Araranguá, e também um quarto equipamento em fase de aquisição que será instalado no Litoral Norte. Santa Catarina também foi o primeiro estado a adquiri a antena de recepção da nova geração de satélites ambientais GOES.

IMG 5441

Técnicos da DCSC participando do evento. Foto: Flávio Jr Ascom DC SC

Durante o encontro foram apresentados alguns projetos de pesquisa e desenvolvimento, como o SIFAP (Sistema Integrado de Ferramentas de Análise e Previsão Hidrometeorológica de Santa Catarina) que conta com a colaboração do IFSC-SC, CPTEC/INPE, Simepar e Universidade Federal de Pelotas. Também foi apresentado o serviço de nowcasting contratado pela Defesa Civil. O serviço iniciou em junho deste ano e conta hoje com sete (07) meteorologistas que trabalham em escala 24 horas, sete (07) dias por semana.

"Ainda temos muitos desafios, como melhorar a assertividade dos alertas e comunicar de forma mais clara e efetiva a severidade dos eventos de alto impacto", comentou Rudorff. De acordo com ele, o investimento continuado em pesquisa e desenvolvimento e parcerias com centros nacionais e estaduais de ensino e pesquisa de referência é de fundamental importância para melhorar ainda mais os serviços prestados para a população catarinense.


© 2012 | Joomla - v2.5 | Todos os Direitos Reservados |