Boletim Hidrometeorológico 011/2020

O Governo do Estado divulgou nesta quarta-feira, através da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDE) e da Defesa Civil (DCSC), mais uma edição do Boletim Hidrometeorológico Integrado. O documento é uma publicação online e tem como objetivo compartilhar informações das condições hidrológicas dos rios catarinenses, dos possíveis impactos no abastecimento dos municípios e o risco de agravamento da situação de desastre do tipo “estiagem”.

Esta edição destaca os baixos volumes de chuva no Estado, principalmente nas regiões do Oeste, Meio Oeste, Planalto Sul e Vale do Itajaí. Nestas áreas os acumulados de chuva ficaram abaixo dos 30 milímetros. Apenas na região do Extremo Oeste, próximo ao Paraná, os volumes ultrapassaram estes valores.

A passagem de frentes frias oceânicas e atuação de áreas de instabilidade provocaram acumulados mais significativos nas regiões do Litoral Sul, Grande Florianópolis, Litoral Norte e
Planalto Norte, que registraram de 40 e 80 milímetros, com pontuais acima dos 100 mm.

As previsões, tanto trimestral quanto semestral, permanecem as perspectivas de precipitação e armazenamento de água no solo abaixo da média. Com este quadro é perceptível a constatação do agravamento da situação de estiagem o que pode provocar o comprometimento do abastecimento urbano em diversos municípios. Atualmente são observados nove municípios em estado crítico de abastecimento no Estado.

Caso não ocorra melhoria neste cenário, em relação a quantidade de chuvas mais frequentes, o número de municípios em estado de atenção, alerta e crítico deve ampliar. Atualmente 32% dos municípios catarinenses estão em estado de atenção, 5% em alerta e 3% em nível crítico.

Com base neste quadro a DCSC recomenda para a população o uso racional e consciente dos recursos hídricos. Da mesma forma, ressalta que os municípios devem adotar as medidas previstas em seus planos de ações emergenciais, podem assim garantir o abastecimento público e reforçar o enfrentamento da atual crise hídrica.

Apoio aos municípios

O Governo do Estado através da Defesa Civil de Santa Catarina estabeleceu como uma das estratégias de apoio no enfrentamento à estiagem, a disponibilização de reservatórios de agua, permitindo a reserva para uso familiar, até o momento a presente estratégia foi solicitada por 31 municípios. Caso a situação se agrave, outros procedimentos complementares poderão serem estabelecidos para socorrimento da população afetada.

Confira o Boletim na íntegra.