Governo do Estado divulga novo Boletim Hidrometeorológico

O Governo do Estado, através da Defesa Civil de Santa Catarina (DCSC) e da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDE), divulgou mais uma edição do Boletim Hidrometeorológico Integrado. O objetivo é compartilhar informações das condições hidrológicas dos rios catarinenses e os possíveis impactos no abastecimento urbano para os municípios do Estado.

No mês de março foram registrados acumulados superiores aos 200 milímetros (mm) nas regiões da Grande Florianópolis, Vale do Itajaí e Litoral Norte. Sendo que pontualmente, em São José, o volume foi de 350 mm. Por outro lado, no Oeste, Planaltos e Litoral Sul, os índices variaram entre 50 e 150 mm.

Ainda em março a chuva foi um pouco melhor distribuída no litoral e proximidades em relação às demais regiões. Essa situação ocorreu principalmente pela umidade vinda do oceano. Já nos Planaltos e no Oeste chegaram a ser registrados até 21 dias sem chuva em algumas localidades. No Extremo Oeste e em proximidades ao Rio Grande do Sul foi ainda mais irregular chegando até a 25 dias em alguns pontos.

Atualmente, devido à estiagem que volta a se intensificar, sete municípios estão em estado crítico em relação ao abastecimento. São eles: Bom Jesus do Oeste, Coronel Martins, Descanso, Dionísio Cerqueira, Guaraciaba, São Miguel da Boa Vista e São Miguel do Oeste. De forma geral em Santa Catarina 28% dos municípios estão em estado de atenção, 3% em alerta e 3% em estado crítico.

Os dados apontam que o abastecimento urbano voltou a ficar comprometido em diversos municípios pelo aumento da estiagem no Estado”, comentou o chefe da DCSC, David Busarello. Ele reforça a orientação para a população que utilize a água de forma consciente, evitando desperdícios e reduzindo o consumo.

Confira o Boletim na Íntegra clicando no link abaixo.

Situação de Estiagem no Estado.

Dicas de economia

  • Evite banhos demorados.

  • Mantenha a torneira fechada ao fazer a barba e ao escovar os dentes.

  • Limpe bem os restos de comida e jogue no lixo antes de lavar os pratos e panelas.

  • Adote o hábito de usar a vassoura e não a mangueira, para limpar a calçada e o quintal de casa.

  • Não lave o carro durante a estiagem. Caso necessário utilize balde e pano em vez de mangueira.

  • Use regador para molhar as plantas.

  • Utilize a máquina de lavar somente quando estiver na capacidade total.

  • Mantenha a válvula de descarga regulada e conserte imediatamente vazamentos.