Boletim Hidrometeorológico Integrado – 00012/20

A estiagem continua atuando em Santa Catarina e gerando problemas em diversos municípios. Segundo o Boletim Hidrometeorológico Integrado, divulgado pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDE) e Defesa Civil de Santa Catarina (DCSC), no mês de outubro os volumes de chuva foram considerados baixos em todo o Estado, apenas ocorreram elevados pontuais nas regiões do Litoral Norte e Sul. O quadro foi agravado nos últimos dois meses, principalmente nas regiões do Oeste, Planalto Norte e Vale do Itajaí. Em parte significativa do Oeste, os acumulados não alcançaram 20% do esperado para o mês de outubro.

A situação de estiagem é definida a partir do critério da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil que aponta o fenômeno a partir da redução das chuvas em 60% em relação às médias normais. É importantes destacar que a precipitação ficou muito abaixo da média climatológica em todas as regiões, mesmo sendo o mês de outubro historicamente um dos mais chuvosos do ano.

A previsão climática para o fim da primavera e início do verão (novembro, dezembro e janeiro) é de continuidade de precipitação abaixo da média climatológica. Destaca-se a porção oeste para situação mais crítica de estiagem. Com a atuação do fenômeno La Niña, são esperados eventos de chuvas mal distribuídas e irregulares.

Com relação ao abastecimento de água em áreas urbanas, dentre os 295 municípios de Santa Catarina, 10 municípios em estado crítico de estiagem, 23 em alerta, 88 em atenção e 160 em normalidade. Apenas 14 municípios não encaminharam informações sobre a atualização de sua situação.

Recomendações para enfrentar a estiagem

● Evite banhos demorados.
● Mantenha a torneira fechada ao fazer a barba e ao escovar os dentes.
● Antes de lavar os pratos e panelas, limpe bem os restos de comida e jogue-os no lixo.
● Deixe a louça de molho na pia com água e detergente por uns minutos e ensaboe. Repita o processo e enxágue.
● Limpe calçadas e quintais apenas com vassoura e não utilize mangueira.
● Não lave o carro durante a estiagem. Caso faça, use balde e pano para lavar o carro em vez de água corrente.
● Use regador para molhar as plantas.
● Utilize a máquina de lavar somente quando estiver na capacidade total.
● No tanque, feche a torneira enquanto ensaboa e esfrega a roupa.
● Mantenha a válvula de descarga regulada, e conserte imediatamente qualquer vazamento.
● Preserve nascentes.

Atividades com maior desperdício de água

● Torneira gotejando: 40 litros diários;
● Torneira aberta durante 5 minutos: 80 litros diários;
● Banho de 15 minutos: 243 litros;
● Lavar a calçada com mangueira por 15 minutos: 279 litros.

Confira o Boletim Hidrometeorológico na íntegra: