Defesa Civil de Santa Catarina divulga mais uma edição do Boletim Hidrometeorológico Integrado.

Fruto da colaboração de diversas entidades, dentre elas a Defesa Civil de Santa Catarina (DCSC), foi divulgada mais uma edição do Boletim Hidrometeorológico Integrado. O documento tem o objetivo de apresentar as condições hidrológicas dos rios de Santa Catarina e avaliar os impactos no abastecimento urbano em todos os municípios catarinenses.

Os dados divulgados apontam que em relação a precipitação observada no mês de dezembro de 2020 destaca-se o alto acumulado nas regiões da Grande Florianópolis, Vale do Itajaí e Litoral Norte, que foram superiores aos 300 mm. Já em Joinville, o volume observado foi de 695 mm. Nas regiões do Oeste, planaltos e Litoral Sul os acumulados variaram entre 100 e 200 mm.

Nas regiões litorâneas a chuva foi regular ao longo do último mês. Isso se explica principalmente pelo maior aporte de umidade proveniente do oceano para essas áreas. O Extremo Oeste e as regiões próximas ao Rio Grande do Sul apresentaram maior irregularidades em relação a chuva.

Nos 12 primeiros dias do ano os acumulados foram acima dos 30 mm de modo geral. No Litoral Norte e pontualmente no Meio Oeste, próximo a Joaçaba, foram registrados os maiores acumulados com números acima dos 100 mm, sendo que em Garuva foram 245 mm. A previsão para o trimestre janeiro, fevereiro e março é de precipitação próxima ou ligeiramente acima para Santa Catarina, principalmente no Litoral.

Em Santa Catarina, atualmente, 197 municípios estão em estado de normalidade em relação a estiagem, 66 em estado de atenção; 15 em alerta e 3 em estado crítico. Os 14 municípios restantes não encaminharam informações de atualização da sua situação.

Como conclusão, o Boletim destaca a interrupção do agravamento da situação de estiagem devido aos elevados volumes de precipitação nos últimos dois meses. As perspectivas de precipitação para os próximos meses são consideradas positivas em todo o Estado, o que deve melhorar o armazenamento de água no solo. É importante destacar que o comprometimento do abastecimento urbano em diversos municípios e a intensidade da seca hidrológica sobre o Estado permanece e exigem o monitoramento contínuo.

Confira o Boletim na Íntegra:

Recomendações

A Defesa Civil de Santa Catarina destaca que permanecem as recomendações de uso consciente da água. Assim:

• Evite banhos demorados.
• Mantenha a torneira fechada ao fazer a barba e ao escovar os dentes.
• Deixe a louça de molho na pia com água e detergente por uns minutos e ensaboe. Repita o processo e enxágue.
• Adote o hábito de usar a vassoura e não a mangueira para limpar a calçada e o quintal de casa.
• Para lavar o carro durante a estiagem use balde e pano em vez de mangueira.
• Use regador para molhar as plantas em vez de utilizar mangueira.
• Utilize a máquina de lavar somente quando estiver na capacidade total.
• Mantenha a válvula de descarga regulada e conserte imediatamente vazamentos.